O poder da transformação.

posted in: Notícias | 0

O mundo está passando por uma crise na saúde provocada pela pandemia do COVID-19 que deixará marcas profundas na sociedade e nas empresas.

 

 

 

Desde pequenos negócios até grandes organizações estão se remodelando em um curto espaço de tempo para se manterem ativas no mercado. O cenário econômico sofre impactos das medidas de restrição adotadas pelo governo, que também suporta uma crise política sem precedente.

 

Infelizmente o cenário não é nada animador a curto prazo, porém o empresário brasileiro está acostumado com as dificuldades de empreender, tendo que lidar com a alta carga tributária, escassez de capital, falta de mão de obra qualificada, burocracia, além de diversos outros empecilhos. A virtude da resiliência que está presente em todos os empreendedores, somente precisa ser colocada em evidência.

 

Não adianta depredar a energia focando a atenção somente para o problema, deve-se priorizar a busca pela solução.

 

É natural do processo que muitas dúvidas surjam, que muitos erros sejam cometidos, porém como disse o grande pensador W. F. Grenfel “O verdadeiro heroísmo consiste em persistir por mais um momento, quando tudo parece perdido”.

 

A sobrevivência das organizações nesse momento se dará por basicamente três passos, primeiramente deve-se analisar o cenário atual da atividade que a empresa se encontra, se possível que isso seja escrito para melhor visualização. Não há como chegar no paraíso sem saber se está na rota correta ou onde está.

 

O segundo passo é analisar quais as correções de rumo que a empresa pode tomar, seja ofertando um novo serviço, seja corrigindo os preços de produtos, talvez reduzindo o preço de determinada mercadoria possa-se ganhar no giro.

 

São diversas rotas possíveis, porém o segundo passo somente poderá ocorrer após o mapeamento do primeiro passo.

 

O terceiro passo é calcanhar de Aquiles de muitas organizações, as empresas efetuam o mapeamento da situação em que se encontram, encontram a solução para a deficiência encontrada, porém após um tempo não aplicam as revisões constantes, não acompanham o processo. Uma empresa é como um organismo vivo, se faz necessário a manutenção periódica, ter hábitos de vida saudável somente no dia de hoje não irá prevenir doenças ocasionadas pelos maus hábitos no dia de amanhã. É um processo continuo, a humanidade está em constante evolução, novas tecnologias surgem diariamente, novas formas de processo.

 

Os administradores das organizações não precisam se preocupar em resolver todas as questões sozinhos, o conceito de viver em comunidade é justamente esse, facilitar a sobrevivência dos participantes por meio da cooperação mútua.

 

Levantada as dificuldades que lhe tiram o sono, o empreendedor deverá buscar um profissional da área específica para dar início aos os três passos mencionados acima, não há como ser expert em tudo, deve-se procurar especialistas que dedicam seu tempo estudando sobre problemas específicos.

 

A maior dificuldade das empresas brasileiras está nas questões administrativas e gerenciais, o empresário na maioria das vezes é um excelente vendedor ou produtor de mercadoria ou serviço, porém passa dificuldades na área administrativa por não contar com uma consultoria, ou até mesmo ter uma de péssima qualidade. Segundo pesquisa do SEBRAE feita em 2019, para 42% dos negócios com até 2 anos de vida a falta de planejamento é o motivo do fechamento.

 

A contabilidade consultiva é uma excelente opção à disposição do empresário, porém para dispor dos seus benefícios o empreendedor deverá abandonar maneiras arcaicas de gestão da sua empresa e trabalhar juntamente com o seu Contador. Os benefícios desse trabalho em conjunto são diversos, dentre as dúvidas sanadas pode-se citar: Como está situação financeira da empresa? Os impostos estão gerados corretamente? Os custos estão superando as receitas? Pagar imposto em cima do lucro não seria mais viável em comparação com o imposto sobre o faturamento?

 

Muitas dúvidas cercam o cotidiano do gestor, muito se deve ao fato de não contar com uma boa assessoria contábil para auxiliar no processo de tomada de decisão. Conforme o grande escritor Charles Caleb Colton, “A má informação é mais desesperadora que a não informação”.

 

VITOR VIEIRA

AJS Auditoria e Consultoria Contábil

5.00 avg. rating (99% score) - 4 votes